#Moda: PÓS-FEMINISTA || Imagine uma rosa a florescer de uma forma misteriosamente sexy, e provavelmente visualizou a nova ideia de feminino que emergiu durante as recentes semanas da moda. Nova Iorque, Londres, Milão e Paris foram palco central, de tumultuosos desfiles em prol da igualdade, inconvenientes protestos, diluição dos papéis de género e outras tão chocantes manifestações de poluição visual. Mas para acalmar tanto ruído, algumas marcas e designers remexeram no passado, para criar fortes, pirosos e mesmo frívolos looks que revelam sem sombra de dúvida uma nova forma de encarar o feminino. Um elemento por vezes preso aos detalhes delicados, outras vezes a alguns mais ambíguos e confusos, mas desta vez em redor de uma consciência de uma era pós-feminina, uma era na qual as mulheres podem se engajar com os seus desejos mais intrínsecos e insondáveis, ao mesmo tempo adotar diversas facetas e personalidades, levando-as a passear por aí. Uma vingança total, em relação ao demasiadamente político que pautou as temporadas passadas, para se tornar num jogo dinâmico que cada mulher deve ser capaz de jogar. Vamos desabrochar!

Prev1 of 5

Marques’ Almeida

Marques’ Almeida, Fashion Show, Ready to Wear Collection Fall Winter 2017 in London

Prev1 of 5

Marques’ Almeida

Editor / Contributor
Fashion and poetry enthusiast, always scooting the latest trends and culture synergies all around that match his own ironic and iconic style.